domingo, 4 de outubro de 2009

Vivendo um dia de cada vez


Hoje ao acordar fiquei alguns instantes pensando em meus últimos dias. Eles se passaram de uma forma que a tempo não acontecia comigo.

Em certos tempos meus dias simplesmente parecem voar, passam tão rapidamente que as lembranças dos meses anteriores dão impressão que aconteceram ontem, e há outros dias que se estendem tanto que dão à sensação de serem eternos.

Porém nessas ultimas semanas meus dias tem passado de uma forma que eu poderia descrever como ‘normais’. Como se eu estivesse vivendo cada momento em sua hora certa. Percebi como é mais fácil ser feliz sem nos preocupar, ou ao menos sem nos preocupar tanto com os problemas. E que felicidade maior estar em perceber o quanto você é amado. Sei que há coisas em mim que eu definitivamente odeio, que não sou como gostaria de ser, mas nem por isso não tenho chances de mostrar as qualidade que trago comigo e apenas as pessoas que me conhecem verdadeiramente sabem. Viver é bem mais do que pensar apenas em nós mesmos.

E pensando nisso tudo compreendi o quão verdadeira é a frase que diz

“Não acrescente dias a sua vida, mas vida aos seus dias.”


1 comentários:

Janine Sombra de França disse...

Muuito bom o texto. E sobre o tempo, acontece com todos nós. As vezes passa correndo, outras vezes tão lentamente que chega a dar uma certa angústia. <3

Postar um comentário